O companheiro ideal [100 anos sem você - 1/5]

O companheiro ideal

Há dois anos, quando terminei meu namoro, comecei a me perguntar coisas, como: Algum dia encontrarei a companhia ideal? Existe uma pessoa certa para mim ou estou procurando a perfeição que não existe?

Tenho certeza que você também viu pessoas sofrendo por causa de namoro ou casamento que não deu certo e acabaram se rompendo. Ou, inclusive você, já chegou a duvidar sobre o casamento.

Para mim, encontrar essa pessoa perfeita - que você se apaixona e com quem quer formar uma família - pode acontecer naturalmente e de forma inesperada. Porém, também pode demorar um pouco mais.

Por que será que, muitas coisas importantes da nossa vida, nós planejamos, pensamos, organizamos e decidimos, porém, não fazemos o mesmo com a escolha do nosso companheiro?

Quem sabe, muitas vezes simplesmente, nos deixamos levar pelas nossas emoções.

Deus, em sua sabedoria, nos ensina que essa escolha também pode ser organizada antes de acontecer. Mas, como planejar um relacionamento antes de conhecer a outra pessoa?

Lendo a bíblia, encontrei alguns conselhos a respeito.

Nela, somos ensinados que, chegado o momento, devemos escolher o nosso companheiro com sabedoria. Escutando o nosso coração, mas também a nossa mente. Pedindo ajuda a Deus e pensando de uma forma prática. Consciente de que nosso futuro e o da nossa família são muito importantes.

Também nos ensina que procuremos alguém que tem o caráter nobre e horando. Alguém que ama a Deus e nos ajude a amá-lo da mesma forma. Uma pessoa que procure fazer o bem, que nos ajude a crescer e que nos permita manter a nossa individualidade: sendo paciente conosco. Alguém que nos ame, mas além da novidade, das emoções. E que busca conservar seus pensamentos e propósitos limpos, apesar dos anos.

Pode ser que a proposta de Deus lhe pareça um ideal inalcançável, mas não se trata de procurar uma pessoa que faça tudo correto, que não cometa erros. Isso não existe, nem nos filmes.

O que a Bíblia nos propõe é que escolhemos alguém que tenha estes objetivos, mesmo que não os tenha alcançado por completo. Em definitiva, uma pessoa que, mesmo não sendo perfeita, ame a deus acima de todas as coisas.

Texto adaptação:
Série espiritual, com uma mensagem adventista, baseada no livro de Ellen G. White «Cartas a Jovens Namorados», comemorando o centenário de sua morte.

Comentários

  1. Acho que o mais difícil hoje em dia é encontrar alguém disposto a "te aguentar", todos estão extremamentes impacientes e só querem entender seus lados!

    ResponderExcluir
  2. Belo texto, ás vezes acho que a melhor solução é parar de procurar, eventualmente alguém vai aparecer.

    http://blogalertadespoiler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Sabe o que eu aprendi? Que as pessoas estão MUITO preocupadas em "encontrar alguem" mas a gente nem se policia pra ver quem somos, como um guri ali disse, é dificil encontrar alguem disposto a nos aguentar sabe?

    Mas amei o post, texto muito bem escrito <3

    ResponderExcluir
  4. Texto excelente mas penso que as pessoas se preocupa em encontrar alguém ser feliz porem nao fazem praticamente nada para manter esta felicidade.

    ResponderExcluir
  5. Só acho que Deus sabe de todas as coisas e o momento certo delas acontecerem, o que falta na Humanidade é aprender a colocar mais na mão de Deus, um pai tão maravilhoso não deixaria de suprir todas as nossas necessidades. Lembrando que dele vem tanto o querer quanto o realizar, ele não permitiria que permanecêssemos só e frustrados.

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?

    Primeiramente, Parabéns pelo texto, o mesmo está muito bom e coeso. Acho que em algum momento em nossas vidas, todos vamos sentir exatamente isto, esse receio de que não vamos encontrar ninguém em nossa jornada, que vamos permanecer sozinhos e assim, acabamos nos desesperando. Colocar nas mãos de Deus e confiar em seus desígnios, é com certeza o melhor caminho!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Já pensei nisso de ficar só na minha vida, por ser muito tímida eu simplesmente não me aproximava e não deixava os outros se aproximarem, mas na hora certa decidi conhecer uma pessoa e estamos juntos já a 15 anos, ele é uma pessoa muito carinhosa, sossegada e podemos não ter tido que queremos, mas temos tudo que podemos.

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem? Gostei muito da maneira que você escreveu a da reflexão que trouxe. Acredito que tudo o que nos acontece de alguma forma traz uma lição. Cabe a nós estarmos abertos e aprendermos. Encontrar o verdadeiro amor as vezes não é fácil, passam milhares de pessoas pelas nossas vidas pra só depois vir a certa. É preciso ter paciência, saber esperar, e ter o coração aberto. Beijos, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Eu acho que a pessoa certa aparece quando conhecemos a nós mesmos, primeiramente. Sobre o texto, está de parabéns! Muito bem escrito.

    ResponderExcluir
  10. Eu estou em uma fase que sempre faço a mesma pergunta e ao mesmo tempo estou valorizando mais a minha companhia mas seria bom ter alguem que me "salvasse" de mim mesma as vezes.

    ResponderExcluir
  11. Oii, tudo bem
    Esse texto é bem interessante, eu acho que no tempo certo a pessoa certa aparece, não adianta ficar se desesperando.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Só acho que você também tem uma opinião sobre o assunto. Compartilhe conosco.