Wikipédia e a disputa sobre se Garfield é macho ou fêmea

Garfield deitado nas flores

Garfield é um gato, sedentário e gosta de lasanha. Disso todos sabem. Mas, afinal, é macho ou fêmea? A versão inglesa do Wikipédia se viu obrigada a bloquear a página sobre Garfield depois que sua identidade de gênero iniciou um intenso debate entre seus usuários editores.

A disputa estourou a partir de uma entrevista que a Mental Floss fez com o criador de Garfield, Jim Davis, em 2014. Em um post intitulado "20 coisas que talvez não saiba sobre Garfield", Davis explica que "em virtude de ser um fato, [Garfield] não é homem nem mulher, não tem uma raça ou nacionalidade em particular, não é velho nem novo", o que lhe ajuda a desenhar piadas mais universais.

Dois anos mais tarde, o escritos de sátiras Virgil Texas colocou em relevância essas palavras ao anunciar que havia atualizado as informações do Wikipédia sobre o gato laranja que afirmava seu verdadeiro gênero como "Nenhum".

Uma hora mais tarde, um editor desfez a mudança e Garfield voltou ao seu gênero original: "Masculino". Mas não passou nem um minuto antes de que alguém nas Filipinas acessou a página e voltou a escrever "Nenhum".

Na página de discussão do Wikipedia começou uma guerra editorial. "Cada personagem (incluindo o próprio Garfield) se refere constantemente ao Garfield sem ambiguidade como macho, e sempre usando pronomes masculinos".

O gênero de Garfield mudou umas vinte vezes em aproximadamente dois dias e meio, até que a coisa saiu completamente do controle e chegaram a catalogar a religião do gato como "musulmana chiíta". Um editor propôs, então, uma solução intermediária: "Masculino[1]/Nenhum[2]", com uma referência as tiras cômicas e outra a entrevista que citou Texas. Se bem que atualmente parece que o gênero é uma questão de identidade e não do sexo biológico, é importante indicar que Garfield não tem genitais.

A proposta não prosperou e um administrador do Wikipédia se viu obrigado a intervir para evitar novas edições. O acesso a página de edição foi bloqueado até março e o gato laranja foi catalogado oficialmente como macho, citando como referências quatros tiras de Jim Davis que se referem a Garfield com o pronome masculino (entre elas, uma velha tirinha de 1979 onde uma veterinária diz "ele está bastante gordo").

Finalmente, o tema chegou ao Washington Post, que entrou em contato com Davis para tirar dúvidas. "Garfield é macho", afirmou o desenhista. "Tem uma namorada, Arlene". Mas o Wikipédia já deixou de lado as disputas sobre a identidade de gênero e agora discute outros aspectos sobre o gato laranja: "Realmente é necessário colocar o nome da Arlene como sua namorada?"

Tradução e adaptação do texto retirado da fonte: VoxBox.

Comentários